Jornalismo

Empresas Juniores surgem como oportunidade de aprendizagem

Ambientes de empreendedorismo e preparação para o mercado de trabalho ganham espaço na Universidade Ceuma

Por Kananda Saraiva        

É possível aliar estudos a empreendedorismo? As empresas juniores provam que sim. Empresa Júnior é uma associação civil sem fins lucrativos, formada e gerida por alunos de um curso superior, cujos principais objetivos são: fomentar o aprendizado prático do universitário em sua área de atuação e aproximar o mercado de trabalho das academias. Basicamente, os alunos que participam dessas empresas têm a oportunidade de aplicar os conhecimentos adquiridos em sala de aula, elaborando projetos e prestando consultoria para outras empresas, lidando com as atribuições e desafios que o mercado de trabalho exige.

Em 2017, foi sancionada a Lei 13.267 que, além de regulamentar a atuação das empresas juniores no Brasil, favoreceu, ainda, o relacionamento das empresas com as Instituições de Ensino Superior, criando regras e prevendo benefícios como a cessão de espaço físico gratuito para o seu funcionamento na própria universidade.

Por meio de um edital lançado pela Fundação de Amparo à Pesquisa e Desenvolvimento Científico do Maranhão (FAPEMA), alunos da universidade Ceuma dos cursos de Engenharia, Psicologia e Administração tiveram projetos aprovados em 2015. E, no final de 2017, as empresas dos cursos de Design, Jornalismo e Publicidade foram criadas.

Faro Comunicação, Geoten, Inovar Eco, Psiworks e Valor são as empresas formalmente estabelecidas na Universidade Ceuma. Paralelo à criação dessas empresas, foram criados também o Núcleo de Inovação, Tecnologia e Empreendedorismo (NITE) e o Núcleo de Empregabilidade e Carreira (NEC).

Segundo a coordenadora da Psiworks e do NEC, professora Daiane Bentivi, o trabalho dos núcleos serve como base para as empresas. “O que se faz dentro do NITE e do NEC é desenvolver a carreira, desenvolver inovação, tecnologia e empreendedorismo. É o que efetivamente as empresas juniores buscam fazer”, explicou.

MATÉRIA EMPRESA JUNIOR - Profa. Ma. Daiane Bentivi

Para o aluno do curso de Publicidade e presidente da Faro Comunicação, Paulo Guilherme Borges, participar de uma empresa júnior é um crescimento tanto acadêmico quanto pessoal. “A experiência dentro da Faro Comunicação tem me possibilitado novas experiências em diversos setores, algumas vezes até fora da minha área de atuação, o que tem contribuído para que eu me torne um profissional multifacetado”, revelou.

Jadna Lins, aluna do curso de Jornalismo e diretora de Marketing Digital da Faro, contou que o desejo de fazer algo a mais na universidade, sair da zona de conforto, fez com que ela aceitasse integrar a equipe da empresa, mesmo não tendo experiência. Para suprir os desafios diários, a estudante faz curso de Marketing Digital e de Empreendedorismo. Segundo ela, a integração das empresas faz com que as dificuldades, quando aparecem, sejam minimizadas. “Tudo aqui é colaborativo. A pessoa que entra na Faro, ou em qualquer outra empresa júnior, tem que ter em mente essa questão da colaboratividade. Nada aqui é feito individualmente”, ressaltou Jadna Lins.

MATÉRIA EMPRESA JUNIOR - Equipe da Faro Comunicação
Equipe da Faro Comunicação

Para entrar em alguma das empresas, características como proatividade, versatilidade e criatividade são fundamentais. No que diz respeito ao processo de inscrição, é necessário estar regularmente matriculado e acompanhar os editais que são publicados no site do Ceuma.

0 comentário em “Empresas Juniores surgem como oportunidade de aprendizagem

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.